Saiu o vencedor da Promoção Recreativo-Cultural aqui no blog!

É Cesar Bussolo, de Santa Catarina.

Os mais de 20 mil participantes responderam à pergunta: “Você acha que o livro impresso será substituído pelo livro digital?”

A resposta do Cesar foi a seguinte:

“Nada substitui uma dedicatória escrita à mão, o folhear de páginas ou uma estante cheia de histórias para contar. Livros são eternos!”

A comissão julgadora, formada por profissionais do Sebo do Messias, agradece a todos.

Foram analisadas 20.326 frases que, se reunidas, dariam uma publicação. A admiração da nossa mesa julgadora foi tão grande que decidimos postar em breve, aqui no blog, as 100 melhores frases.

Agradecemos a todos, pois a quantidade de participantes ultrapassou o número esperado.
A fidelidade de nossos clientes supera os parâmetros estabelecidos pelo marketing atual. Aproveitamos o momento para agradecer a nossos clientes, que sempre fazem declarações afetuosas sobre nosso trabalho e nos ajudam a melhorar sempre.

Por essa razão passamos a participar com afinco das redes sociais, com a intenção de estreitarmos cada vez mais este laço de amizade que só tende a beneficiar a cultura em nosso país.

Outras promoções em breve em nosso blog ou twitter!

Atenção!!! O acervo virtual não é o mesmo da loja física! Portanto, livros do nosso site podem ser comprados apenas por meio do sebodomessias.com.br . Residentes em São Paulo e grande SP podem reservar e retirar na loja matriz localizada no endereço: Pça. Dr. João Mendes, 140. Como chegar

Você pode não encontrar um livro na loja física mas encontrá-lo no site, e vice-versa pois, além de diferentes, ambos são atualizados todos os dias.

Sobre Sebo do Messias

Fundada em 1969 a Livraria e Sebo do Messias é hoje a Maior livraria com vendas de livros e objetos usados da América Latina.
Esta entrada foi publicada em Promoções: Sebo do Messias e marcada com a tag , , , , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

36 respostas a Saiu o vencedor da Promoção Recreativo-Cultural aqui no blog!

  1. Douglas disse:

    Essa frase faria todo sentindo caso todos os livros convencionais fossem escritos a mão e não por uma grafica em longa escala!

    Nada a haver com livro que voces se referiam, marmelada.

  2. Ricardo disse:

    Também não gostei da escolha. Frase genérica. Cadê a criatividade pedida? Marmelada.

  3. Cesar disse:

    Agradeço a escolha e sei que sempre existirão controversias; acho isto muito valido pois mostra nossa capacidade de pensar e analisar.

    • Raquel disse:

      parabéns, Cesar, eu tb concorri, mas devo admitir que sua frase resumiu o pensamento de todos que realmente amam a leitura e os livros em geral.

    • teresa aparecida disse:

      César, é muito linda a sua frase, você deve ser um poeta nato. Concordo plenamente com o que diz, sobre a dedicatória, o folhear e fico triste quando vejo um livro num sebo, onde encontro uma dedicatória para determinada pessoa, tenho o sentimento de que aquela amizade tenha sido menos querida do que se supunha. Enfim…Um abraço

  4. Fabio disse:

    Como eu imaginava a resposta não foi “selecionada”, mas sim sorteada.

    Como já disseram acima, “nada a ver” a resposta escolhida.

    Mas, de qualquer forma, aproveito para parabenizar pela iniciativa a sugerir que vocês façam outras promoções do tipo. E, também, dizer que o Sebo do Messias é a melhor loja de livros usados na internet. Não há outra que chegue perto de vocês.

  5. Ricardo disse:

    “poeta nato” – ai, ai.

  6. Carmen Silvia Barros Penteado disse:

    É uma pena que algumas pessoas leram, mas não entenderam o “espírito” da frase do amigo Cesar. Estou de pleno acordo com ele e como disse a Teresa, é triste ver um livro no sebo com uma dedicatória, pois ali está expressa a alegria da pessoa que presenteou e foi ignorada. E quem não pegou na estante aquele livro velho e ao reler, não sentiu o cheiro de momentos passados?

    Parabéns ao vencedor da frase. Honrosamente merecida! E bom proveito com o prêmio recebido, pois sei que fará escolhas certas.

    E parabéns também e mais uma vez ao Sebo do Messias pela iniciativa. E que venham outros!

    Abraços

    Carmen Penteado

  7. Carmen Silvia Barros Penteado disse:

    Apenas um adendo ao meu comentário: quando dizem “marmelada” estão colocando em dúvida uma comissão julgadora, bem como as pessoas que representam o Sebo do Messias. Acho que isso deveria ser repensando antes de afirmar tal coisa.

  8. Andreia disse:

    Parabéns, Cesar! Ótima frase, penso como você. A frase que eu criei também teve a ver com sensações que a tecnologia digital não substitui, mas a sua frase foi concisa e certeira. Não entendi o que o Douglas disse quando se referiu que a frase teria sentido se os livros não fossem feitos em escala industrial. O Cesar falou da “dedicatória” escrita a mão, e não o livro! Bem, mas como o próprio Cesar disse, não é possível agradar a todos. Ai, ai, R$ 500,00 em livros…rsss…

  9. Douglas disse:

    Para aqueles que não conseguem encontrar falhas e contradições na frase não fique nervoso eu explico.

    “Nada substitui uma dedicatória escrita à mão, o folhear de páginas ou uma estante cheia de histórias para contar. Livros são eternos!”

    Nada substitui uma dedicatória escrita à mão–> 1º Dedicatória não é livro e sim um elogio em forma de agradecimento.

    Uma estante cheia de histórias para contar–> 2º As historias estão no livro e não na estante, poderia ser estante, mas só a palavra estante é muito vago e sem sentido.

    Livros são eternos–> Essa é o fim da picada todo ser por mais burro que seja sabe que livro se decompõe um dia por que é papel e não chumbo ou coisa mais resistente igual a titanio por exemplo. E livro digital não é erterno? Talves até mais do que os convencionais por que pode ficar guardado e conservado por muito mais tempo em rede ou memoria interna.

    Resposta para Carmen Silvia Barros Penteado

    Bom a menos que você ou eles me provem que isso não seja “marmelada”,por que minha frase não estava tão boa assim eu acho, mas tenho certeza que em torno vinte mil frases existe uma que seja melhor e faça mais sentido do que essa ai que esta cheia de contradições, e eu usei o termo “marmelada” por que quem me garante que não seja não mencionaram os critérios de escolha das frases se tem alguma auditoria tenho todo direito de afirmar tal coisa ao contrário de você que só questiona a pessoa errada. E quem me garante que essa pessoa realmente existe?

    Exclarecimentos: meu objetivo não é de forma alguma criticar ou acusar o sebo do messias pelo ao contrario mas eu acho que eles deveriam mostrar mais informações sobre essas promoções ou explicar melhor como é a forma que as promoções realizadas por eles são executadas.

    Ex: eu já ganhei sorteio no sebo do messias mas foi assim vou explicar com detalhes.
    Na promoção da bienal do livro desse ano postaram no twitter que era para postar uma frase no twitter, e um nº de x primeiras pessoas que postassem ganhavam o igresso convite para a bienal e eu fui um dos primeiros depois da postagem por que eu estava online no momento em que eles postaram essa promoção, mas quando a lista de nome saiu o meu não estava lá ai eu simplismente reclamei e me mandaram o convite que chegou no dia 13 não me lempro o mês só que meu nome não foi para a lista e como o convite tinha chegado e não postaram meu nome nem no twitter e nem no blog eu mesmo tirei uma foto do convite e postei no twitter, facebook, blog, orkut e msn que eu tinha ganho para saberem que não era “marmelada” já que eles não postaram e nem disseram como é os procedimentos de escolha de vencedores idependentemente da promoção, também não estou pedido que mostre a foto e o CPF e endereço da pessoa sorteada só estou dizendo que tem como ser mais transparente sem expor o ganhador.

    * Mas cá entre nós se não é marmelada, é por que quem escolheu essa frase não é tão inteligente assim por não ter visto essas contradições que estão claras e explicadas, se eu percebi qualquer pessoa com um mente mais ampla teria que perceber e se a mente de quem não ercebeu não é tão ampla assim gostaria de saber o que essa pessoa faz em uma livraria.
    Obs: se for auditoria pelo amor de Deus troca de empresa que o pessoal dessa ai é ruim. E não leve isso pro pessoal kkk…

  10. Ana Lucia disse:

    Douglas, eu queria saber se você realmente não entendeu a frase, ou só quer criar caso. É lógico que dedicatória e estante não são livros, mas as duas coisas fazem menção a algo que só é possível com livros impressos. E um bom leitor sabe do prazer de ter uma dedicatória única e uma estante repleta de histórias (dos livros que ela carrega). Quanto ao livro ser eterno, não creio que o autor da frase se referia ao material, mas à essência: livros impressos comportam uma magia, que esperamos, seja eterna.
    Seu comentário foi desnecessário, sua crítica foi inconsistente e se você leu o início dessa página, eles vão postar em breve as 100 melhores frases. A partir daí talvez você tenha elementos para comparação e possa questionar os critérios usados, não esquecendo que quando o critério é “criatividade” os parâmetros seráo sempre subjetivos.

  11. Luiz disse:

    Eu também fiquei frustrado com o resultado. Eu não esperava ganhar, mas a minha frase foi mais criativa que a do vencedor. Nada contra ele, adorei o espírito da frase dele, mas não era isso o proposto pelo concurso. Mas o mais importante é incentivarmos a leitura.

  12. Marco Antonio disse:

    Sinto não ter ganho o concurso, mas a frase do César Bussolo é de profundo significado e, ao mesmo tempo, quase etérea; como folhas ao vento. Parabéns ao César e à comissão julgadora.

  13. Ricardo disse:

    Olha, deixe eu explicar por que não gostei da frase: ela é genérica e óbvia. O Cesar apenas reuniu quatro dos maiores clichês em se tratando do livro físico: “Nada substitui” 1) “uma dedicatória escrita à mão”; 2) “o folhear de páginas”; 3) “uma estante cheia de histórias para contar” e 4) – o fim da picada, o desfecho demasiadamente meloso e bobinho – “Livros são eternos!”.

    Parece Paulo Coelho, Danielle Steel, Zíbia Gaspareto ou o que o valha. Pensei que o julgamento seria mais criterioso. É impossível que, dentre 20 mil frases, esta seja a melhor. Claramente, a cultura, a sensibilidade artística (rs) da comissão julgadora deixou a desejar. Donde que não culpo o Cesar: ele escreveu justamente o que os juízes queriam e podiam ouvir.

    Sugiro, para hipotéticos concursos culturais futuros, a contratação de gente do campo das letras: professores, escritores, “poetas” etc. O resultado, com certeza, será mais preciso e merecido.

    De resto, espero que não me levem a mal. Aguardarei por novos concursos.

    Abraços.

  14. João disse:

    É uma pena que algumas pessoas não entenderam a frase de César. Acho que isso se deve ao profundo e amargo materialismo impregnado no íntimo de cada um… quer dizer, de “alguns”.
    Mesmo que um um livro seja uma porção de átomos aglutinados, ele pode representar muito mais que apenas isso. Quando se diz que um livro toca a alma não quer dizer que ele o fez “fisicamente”…
    Eu participei do concurso e adoraria ter ganho, mas a frase escolhida foi muito boa. Confio na avaliação feita pela comissão, pois sou cliente do Sebo do Messias e até hoje só tive motivos para confiar nessa instituição.
    Parabéns ao Cesar e, por favor, vamos manifestar mais respeito pelas pessoas.

  15. Douglas disse:

    Resposta a Ana Lucia: Claro ana que entendi né ana mas eu vi que tinha se passado quase uma semana que postaram o ganhador e ninguém comentou nada eu resolvi criticar para que comentassem, eu vi pontos fortes na frase mas também vi fracos e eu só resolvi criticar por que se eu só fissese elogios ninguém ia postar suas ideias e opiniões nos comentarios se é que iriam comentar.
    Eu queria também pedir desculpa caso ofendi alguém juro que não foi minha itenção de forma alguma eu não queria fazer de proposito só queria criar motivos suficientes para que elaborassem comentarios como esses que vcs fisseram que estão de parabéns tanto os bons quanto os ruins por que acima de tudo opião não se desculte.
    E como vc mesma disse Ana pode mesmo ter acontecido dessa frase ter sido a melhor de todas não temos certeza de nada ainda por que nem saiu as 100 melhores frases foi uma excelente observação e argumento o seu.

    Gente agora pra todos vcs, desculpa mais uma vez por ter dito algo que não devia, por ter feito vcs perderem os cabelos e soltarem o erbo pra me xingar, e queria pedir desculpas por alguma critica que ficou faltante kkk… brincadeira gente não me xingue mais por favor a orelha ta pegando fogo.

    Então acho que é isso ai a ideia era expor suas idéias e opiniões idependente dela ser positiva ou negativa.

    Veleu gente foi muito legal ver como vcs expõe e defende e criticão suas opiniões, aprendi muito com essa experiencia.

    Há teve outra otima obs que foi a da Carmen S. Barros Penteado que disse sobre a comissão julgadores algo assim também está de parabéns o comentario dela, teve outro comentario de Fabio que disse que foi sorteio e não escolha também faz sentido.

    Olha que cabeça a minha pedi desculpa a todos e esqueci do coitado do Cesar que foi o estopim dessa nossa disculção filosófica e literária ao mesmo tempo.

  16. Munique disse:

    Não escrevi a frase, mas as opiniões que, segundo o rapaz aqui de cima, acima de tudo não devem ser discutidas [Oo] me soaram engraçadas.
    Falaram aí sobre critérios, até deram dicas de Recursos Humanos sobre como contratar uma ‘auditoria’, até bonito falaram. Isso porque cada um pautou a escolha pelas suas próprias expectativas sobre ‘o que esperar de um concurso literário feito por um sebo’, onde as palavras ‘literário’ e ‘sebo’ , com ares de coisa culta, vêm carregadas de um cunho altamente esnobe, elitista e quiçá aristocrático, que não deveriam vir já que a capacidade de imitar pela letra, ou seja a escrita – de onde vem o termo ‘literatura’ – não deveria ser privada a ninguém e o comercio de livros usados, logo, o ‘sebo’ atua em um importante papel nessa tão teoricamente famigerada e praticamente menosprezada democratização da cultura. Contaminados por esses valores, esqueceram-se vocês, que criticaram a simplicidade e obviedade da frase, que o propósito estava escancaradamente claro na proposta sucinta do concurso: responder a pergunta, não escrever uma tese.
    A frase é leve e sensorial o suficiente para ilustrar, imitar em que o livro digital não substituiria o livro impresso: na sensação. Até mesmo o clichê do ‘livros são eternos’, a partir desse ponto de vista, pode ser considerado de outra forma. Não é o clichê pelo clichê simplesmente. Eu não faria uma tatuagem da frase hm ou a usaria para me definir e coisa e tal que erroneamente vemos nas frases e obras e nos esquecemos de detalhes que podem não dizer aquilo que nós queremos que ele diga, mas é compreensível, levando em conta todo o contexto, o porque dela ter sido escolhida. [mas 'poeta nato' é apelação já ein Brasil! ¬¬]
    Agora, algumas noções de base para quem gosta de floreios:
    - Antes deixar tudo escuro que fazer eXclarecimentos: é esclarecimentos.
    - O que alguns chamam de contradição inadmissível é chamada, pela teoria literária, de metáforas. Diz-se, cientistas, que quanto maior a capacidade do indivíduo de criar metáforas e desvela-las, mais inteligente o indivíduo é. Hmmm, sugestivo…
    A amplitude mental e visual pode, muitas vezes, provocar cegueira para pequenos detalhes essenciais: quando você tem a visão panorâmica de uma situação, pode estar cego para o que está bem debaixo de suas ventas. Justificar a presença de uma pessoa em uma livraria pela capacidade mental [ali usado, e, o que obviamente será negado por quem usou, como 'mente ampla'] não me parece grande exemplo de amplitude mental.
    Não sugiro professores, escritores e poetas com aspas – que obviamente não fazem parte da ‘classe dos escritores’ [¬¬] – porque, já que o interesse não é na estrutura e sentido da escrita mas sim a credibilidade de outrem para legitima-la e assim, dar-lhe então precisão, sugiro então que contratem mesmo engenheiros e matemáticos, por que não?! Se é a precisão de 1+1=2 que querem, dêem-lhe a precisão senhores!
    Tinham a pretensão ambiciosa de encontrar frase a lá Jorge Luis Borges ou até um Oscar Wilde não? Mas que ingenuidade! Enquanto nós nos ocupamos em ganhar 500 reais em livros e julgar por critérios próprios o ganhador, eles escrevem em algum lugar nos tais livros eternos. Amarga realidade!
    Mas porque raios, eu pergunto Brasil, estamos aqui ‘ficando nervosos’ se era tudo um teste do Douglas para que as pessoas discutam as opiniões paradoxalmente indiscutíveis exercendo um papel quase de liderança dos questionamentos?Tscaaa, ora francamente, como somos bobos. Era tudo uma pegadinha do mallandro afinal, não?!
    Seu medo de ser mal visto e não quisto tem a sutileza de um elefante.
    De resto, podem me levar a mal, não peço deculpa se ofendi alguém porque não se pede desculpa de algo que não se fez e cá entre nós, se não é marmelada, por que não mudar um pouco o lugar de visão e se desapegar desses lugares que, ilusoriamente, ocupamos fixos?
    Ta aí, a troca de idéias.

    • Douglas disse:

      Munique desculpa se eu tive a ideia de fazer disso uma boa disculção antes de vc ta com dor de cotovelo? Só por que vc está ai escrevendo de uma forma intelectual não quer dizer que vc é a melhor do mundo, alias tem coisas que faz sentido e tem outras que não nos seus argumentos assim como nos meus e nos dos outros que postaram comentários. E se eu tivesse medo de ser mau visto eu não teria começado isso tudo ao contrario de vc que esta tentando se esconder dentro de um vocabulário bem elaborado usando exemplos filosóficos e idiotas ao mesmo tempo há vc sabe o que é filosófico? Ou disse sem querer?
      Peço desculpa a vc como pedi aos outros mas também tenho pena de vc de que pelo fato de não pedir desculpas mostra claramente que vc pode ter aprendido um bom jogo de palavras vo saber lá aonde mas esqueceram de te ensinar uma coisa que todo o ser humano deveria ser “humilde” e “compreensivo” coisa que vc não é, quando não se pede desculpa isso mostra seu rancor, mostra que vc quer ter o mundo em suas mãos e não tem capacidade para isso, mostra que atrás dessas palavras está um ser medíocre, fraco e indefesso que fez uma simples disculção fora do comum e sem explicação para a ocasião.
      Tem outra coisa que foi minha mãe que me ensinou e agradeço a ela todo dia por isso que é a “educação”, vc acha que meras palavras bem elaboradas está cobrindo essa sua frágil ideia, nós somos todos iguais só que tem alguns que se esquece disso, por isso eu peço sim desculpas a todos caso eu tenha feito algo que vcs não gostaram, por que mesmo tendo minha opinião acima de tudo eu sei respeitar o próximo,coisa que parece que vc não sabe alias vc teve uma mãe para te ensinar isso ou esta fazendo o que mundo fez com vc quando vc era criança.
      Há sobre o esclarecimento, vc acha que o universo todo é seu enquanto não sabe nem que a letra X esta próxima da letra S, como eu tenho pena de vc.
      Vc sabe que a pena é o sentimento mas humilhante que uma pessoa pode sentir pela outra.
      E deveria saber também que:
      “A virtude do homem é a humildade e para aqueles que não a tem só resta ignorância.”

  17. Ricardo disse:

    Isso queu chamo de fluxo de consciência, rs.

  18. Tatiana disse:

    Independente da frase ganhadora ser boa ou não… Ela ganhou e ponto final. É lastimável alimentarmos certas discussões que não levam a lugar algum, julgando pessoas que não conhecemos e até mesmo duvidando da idoneidade do concurso. Chegará ao ponto de abrirmos a CPI da frase? Ah pessoal, vamos discutir assuntos melhores e acharmos o que fazer!!

    • Douglas disse:

      Engraçado né Tatiana vc ao postar também esta discutido sobre a frase pq não esta fazendo coisa melhor? eu em isso é ipocresia sabia falar que não faz algo que esta fazendo.

      E mais, isso é literatura filosofica, embora pareca estranho esses comentarios mostra que uma parte das pessoas se preocupam com o destino da literatura e mais com o destino da nossa cultura pq não somos robos não sei para resto das pessoas mas eu não gostaria de garregar um livro digital de baixo do braço não sentir mais o prazer de cuidar de um livro se preocupar com ele e melhor ler o livro ao folear de paginas sabendo que cada página tem um tipo de conhecimento diferente uma informação a mais para vc “buscar informações nos da prazer, agora encontra-las em um clique nos dá vergonha de nos mesmos”.

  19. Brunno disse:

    Tambem gostei muito da frase do cesar. e realmente tem alguns comentarios aqui desnecessarios,mas não vou discutir. afinal,opnião cada um tem a sua.

  20. Douglas disse:

    Há se não é um Brunno para escrever pouco e dizer tudo.

    a opinião é de cada um, mas não estão sabendo respeitar a opinião do outro, eles estão com o olhar critico ao extremo.

    Valeu Brunno… isso que é postagem.

  21. Fabio disse:

    Que ridícula a postagem dessa tal Munique…a quem ela está tentando enganar com essa pseudo-intelectualidade dela?

    Todo mundo tem direito de discordar do que quiser. Não gostei do resultado do concurso, e acho que a frase não foi escolhida, mas sorteada. Claro que o Sebo tem o direito de fazer o que quiser, só acho um pouco estranho passarem a ideia de que houve uma escolha cuidadosa na escolha da frase vencedora, pois é impossível não haver, entre tantas, frases melhores, mais profundas e mais verdadeiras que essa.

    Tristeza mesmo só de saber que vai demorar para fazerem um concurso desses de novo. Não é qualquer dia que se tem a chance de gastar 500 reais em algo tão útil quanto livros, especialmente em uma ótima loja como o Sebo do Messias.

    • Douglas disse:

      Fabio concordo plenamente, até na parte de que não é qualquer dia que vai que aparece uma promoção dessa só uma OBS já fui em varios sebos mas os sebos do messias é o maior que já fui até agora isso é um fato inquestionavel e o melhor acervo que já vi pude comparar melhor na bienal que estive presente o sebo do messias também era o mais completo lá.

  22. Vanessa Druziani disse:

    Concordo com muito que foi dito acima, porém acredito que esquecemos de ver a revolução que este sebo vem fazendo, pois agora é possível comprar livros pelo site deles e nem acreditei quando fiz minha primeira compra, embalagem perfeita de dar inveja a mega sites.
    Na minha época de faculdade mais de 70% de meus livros foram comprados lá e independente de frase boa ou ruim para mim o que fique é esta grande iniciativa de vocês e o fato de ao que vi lendo não ter ocorrido censuras nos post.
    Parabéns as pessoas que comentaram e ao sebo por esta iniciativa e da próxima promoção eu também quero concorrer.

  23. Douglas disse:

    Vanessa Druziani vc me fez lembrar que meu 1º livro comprado no sebo foi um de Shakespeare o Otelo e o 1º na loja virtual foi o mundo de Sofia ambos são uns dos meus preferidos e é verdade o livro comprado pela internet só falta vir em um carro blindado pq o cuidado que eles tem com os livros também é de ser admirar, essa observação excelente por um momento achei que iria ser advertido pelo sebo por colocar tanta lenha na foguiera, mas a itenção era essa só que nem eu esperava tal repercução mas que foi legal ver o pessoal me xingando com palavras de classe foi legal, fiquei até imaginado a expreção facial deles kkk…

    Agora referente ao post do sebo tem um trecho que eles dizem sobre a coleção e uma especie de clube isso me fez lembrar de um filme “A sociedade dos poetas mortos” que um grupo de estudantes se reuniram em uma caverna para ler, recomendo um otimo filme literário.

    Claro que foi agitado o concurso quase fui linxado virtualmente.
    Mas assim eu começei postando criticas pq se fosse elogios ninguém iria comentar por isso fiz o opostocomentaram até demais brincadeira… Só quero descobrir como consegui fazer tudo isso?

  24. Saavedra disse:

    “Só quero descobrir como consegui fazer tudo isso?”

    Escrevendo mal, Douglas. Escrevendo mal.

  25. Douglas disse:

    Saavedra acho que foi escrevendo mal mesmo concordo kkk…

  26. Ricardo disse:

    Douglas, as vírgulas não existem pra você? Seus comentários são ilegíveis.

    • Douglas disse:

      Ricardo –> o que interessa é o assunto se não escrevi foi para alguém reparar que não importa a qualidade da escrita mas sim o conteudo e se é tão ilegivel como que quase todos responderam?

  27. Douglas disse:

    estou guardando minhas virgulas para as redações de vestibulares isso aqui não vai decidir minha vida na pratica lá sim.

  28. Sam disse:

    Saiba perder Douglas…

    A frase é ótima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>